quinta-feira, 5 de julho de 2018

Município de Acopiara é segundo lugar no Ceará em raiva humana e população pede recolhimento de cachorros das ruas

O número de cães perambulando livremente pelas ruas de Acopiara, tem sido crescente. O município não conta com um serviço de apreensão e, apesar das críticas, não se ver medidas sendo adotadas pela Prefeitura para recolher os animais. 

A população pede providências, pois se sente incomodada e teme pela saúde, pois as notícias dão conta que quase 700 pessoas já adquiriram raiva humana no município. 

A Secretaria da Saúde (Sesa) do Estado divulgou que, no primeiro semestre deste ano, foram registrados 16.396 casos de "acidentes por animal potencialmente transmissor da raiva" em todo o Ceará. Fortaleza desponta em primeiro lugar na estatística, com 3.059 casos. Logo após, Acopiara, na região Centro-Sul, aparece com 669 casos, ocupando a segunda posição. 

Os dados foram divulgados, na última sexta-feira (29), quando a Sesa publicou a planilha de Doenças de Notificação Compulsória, referente aos seis primeiros meses do ano. 

O prefeito de Acopiara continua fazendo vistas grossas para o grave problema que atinge em cheio a população do município.

Nenhum comentário:

Postar um comentário