quinta-feira, 5 de julho de 2018

Gás de cozinha sofre reajuste

A Petrobras anunciou, ontem (4), que aumentou, em média, 4,4% o chamado gás de cozinha, referente a um botijão de 13 quilos de Gás Liquefeito de Petróleo (GLP). Os novos preços entram em vigor hoje (5). 

O gás de cozinha começou a ter reajuste trimestral em janeiro deste ano, "para suavizar os repasses da volatilidade dos preços ocorridos no mercado internacional para o preço doméstico", disse a Petrobras, na época. 

"O preço de venda às distribuidoras não é o único determinante do preço final ao consumidor. Como a lei brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, as revisões feitas pela Petrobras podem ou não se refletir no preço final, que incorpora impostos e repasses dos demais agentes do setor de comercialização, como distribuidores e revendedores", diz, em nota, a Petrobras

Nenhum comentário:

Postar um comentário